Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Email

Blog por mail

Você sabe o que é um sociopata?

24.01.12
Você sabe o que é um sociopata?
Publicado no Tribuna do Brasil de 23/3/2007
Caderno TBPrograma, Coluna Psicoproseando...com Maraci

Em todo lugar, encontramos pessoas impressionadas com as circunstâncias da morte da servidora do STJ Maria Aparecida da Silva, que teria cometido suicídio ao ingerir veneno em decorrência de um pacto de morte feito com o golpista, e então seu namorado, Kleber Gusmão Ferraz. Esse episódio é tão assustador quanto difícil de entender. Como pode uma mulher se deixar envolver desse modo? - é o que mais se pergunta.
Lamentavelmente não conheci Aparecida. Mas imagino que era alguém que, na sua boa-fé, acreditava nas pessoas em geral e desconhecia a dimensão das próprias dificuldades emocionais, que a fizeram um alvo fácil para Kleber. Ninguém efetivamente saudável se deixaria enganar a esse ponto. Mulheres emocionalmente maduras e preparadas nem são abordadas por esse tipo de "homem". Também não conheço Kleber. Mas o que ele fez é típico de quem pode ser classificado como sociopata.
A sociopatia é também conhecida como "transtorno da personalidade anti-social" ou "transtorno da personalidade dissocial". Ela pode ser leve, moderada ou grave. Mas, de uma forma ou de outra, os sociopatas são indivíduos egocêntricos, desprovidos de valores morais, que desprezam a sociedade, suas leis e obrigações, assim como as outras pessoas, inclusive os próprios filhos. Por isso, não se apiedam ou sentem remorsos, o que os impede de se modificarem, mesmo se punidos.
São pessoas com inteligência normal ou acima da média, que não apresentam nenhum sintoma de doença mental de fácil identificação e possuem grande habilidade para convencer, induzir por meio de mentira, insinuação, sedução, intimidação, ameaça ou violência. Cínicas, roubam, abusam, trapaceiam. Incapazes de amar ou de serem leais, suas emoções são superficiais e falsas. Covardes, uma vez que só atacam quem teria dificuldade para reagir, podem até colocar em risco a vida de outras pessoas, sem constrangimento.
Esses indivíduos costumam se auto-intitular "predadores sociais" e sentem orgulho disso. Não raro culpam suas vítimas, classificando-as de tolas, impotentes, merecedoras do destino que tiveram. Quando descobertos, podem simular um arrependimento que jamais sentirão.
Na vida social, o sociopata costuma ser charmoso. Seu talento teatral é tão convincente que poucas pessoas são capazes de imaginar seu lado perverso, que eles podem esconder durante toda a vida. E uma vítima de violência pode perceber a verdadeira índole do sociopata apenas alguns momentos antes de ser por ele morta.
Não foi à toa que Kleber escolheu Aparecida. Assim como não foi sem motivo que ele escolheu Sônia de Fátima Ferreira, outra de suas vítimas. Foi conversando com essas duas mulheres que ele percebeu que poderia enganá-las e tirar proveito disso. E funcionou, infelizmente. As duas foram sugadas materialmente, fisicamente, emocionalmente. E ambas estão mortas.
Sei que, para muita gente, essas mulheres tiveram um comportamento absurdamente permissivo, excessivamente ingênuo, idiota mesmo. Mas, acreditem, esses processos não são tão simples. Até mesmo profissionais como psiquiatras, psicólogos, juízes, policiais podem ser vítima de um ou de uma sociopata. Basta que estejam emocionalmente fragilizados. Um sociopata é um ser extremamente ardiloso e perigoso.
Assim, espero que o que aconteceu a Aparecida e Sônia sirva de lição a todos nós. Que não nos exponhamos tanto. Que nos protejamos do mal que nos ronda. Que estejamos sempre alertas, orando e vigiando.
Que essas duas mulheres possam descansar em paz. E que, nesse caso, também a justiça dos homens seja feita!
http://maracisantana.blogspot.pt/2007/06/voc-sabe-o-que-um-sociopata.html?m=1

Autoria e outros dados (tags, etc)

Hits

drupal stats

googlr